Pop Coreano

TAG: Músicas superestimadas no K-Pop + Duas Verdades, Uma Mentira

Olá pessoas que habitam nesse estranhp mundo chamado internet
Lá estava eu novamente me afundando em lançamentos de K-Pop pra minha segunda parte do pacotão de recapitulamento que eu faço quando passo o ano todo sem postar nada, quando, do nada o Dougie deu uma de trendstter com um post que aparentemente levou todo mundo da blogsfera (relevante, o que obviamente não me incluí) a ser marcado num tweet com a intenção de fazer o treco virar TAG e todo mundo fazer sua versão

Em geral, eu achei que o treco só serviu pra ou deixar seus seguidores putos da vida com as escolhas ou felizes por terem alguém pra validar suas opiniões impopulares e não serem só eles parte dos 1% de odiadores das tais músicas
O negócio é que eu percebi que eu, em geralm não queria fazer uma lista apenas descendo o sarrafo nas coisas que eu não gosto, até porque esse nem é o ponto desse blog, eu costumo falar mais do que eu gosto por motivos de ninguém nunca conhece as minhas coisas, então eu decidi colocar um diferencial, digamos assim
Eu nem tenho tanta música que eu ache superestimada, então deicidi, a cada “rodada” colocar uma que na verdade não acho superestimada, pra ver se alguém dos meus dois seguidores conhece consegue adivinhar qual é qual

Deixando isso claro, vamos começar a bagunça:

Round 1:
Girlgroups

MissA – Bad Girl, Good Girl

Eu realmente adoraria entender o que todo mundo vê de super mega interessante nessa aqui
De verdade eu não vejo nada de errado nela, mas toda vez que eu escuto eu espero que seja a vez que eu vá entender a magia que todo mundo fala que ela tem, e NUNCA VEM
Eu costumo dizer que quando eu acho uma música muito boa, eu tenho a sensação que é mais ou menos como se eu estivesse no meio de um deserto morrendo de sede, e a música fosse um copo dee água gelada (eu juro que na minha mente faz sentido) seguindo essa alegoria, Bad Girl, Good Girl seria água quente num dia de clima ameno, nem é refrescante por estar muito calor, nem é bom o suficiente pra saciar minha sede
Uma pena mesmo

Blackpink – As If It’s Your Last

De verdade, eu ouço essa música e fico realmente preocupada/ansiosa
Eu entendo perfeitamente porque gostariam disso, pois pode muito bem ser sintomas de saudade do 2ne1 e nostalgia, ou só que Teddy tem mantido a expectativa bem baixa mesmo, e isso foi diferente
Mas eu acho ela uma grande barulheira TODA vez que ouço e tirando umas duas partes antes e depois do refrão, eu passo a música interira agoniada e querendo que as partes que não agridem meus ouvidos cheguem logo, causando uma ansiedade terrível e totalmente desnecessária

F(x) – Red Light


Então, esse é o caso de uma música que eu genuinamente gostava no passado
Mas ela envelheceu como leite
Sério, a melodia não é necessária, mas tem um barulho acompanhando a música o tempo todo até começar o batidão que torna a experiência torturante
É sério, esse barulho genuinamente parece uma versão sonora de uma dor de cabeça e eu sinceramente só vejo as pessoas faladno bem dessa música, é um negócio qeu soa muito uncanny pra mim, porque tipo, na época que saiu okay, mas em 2020, mesmo
Não me desce

Round 2:
Boygroups:

BTS – Blood, Sweat and tears


Olha, siceramentem, a quantidade de vezes que eu ouvi que essa foi a “última música boa” do BTS (isso antes de existir Dynamite) não tá no papel, viu
Okay, eu entendo, vocês adoram uma breguice, eu entendo, mas simplesmente já deu de colocar que uma música normal dessas é um hino sexy do BTS ou algo assim, o instrumental é legalzinho e não ofende, mas comparando com o que BTS tem pra oferecer (tipo músicas antigas e muitas b-sides bem boas), eu acho que isso é muito exagero e não cxonsigo engolir não
Sinceramente a última vez que eu devo ter ouvido ela foi tipo, em 2017
Mas hoje em dia não tem espaço pra ela na minha playlist não

NCT 127 – Cherry Bomb


Todo mundo que gosta nem que seja um pouco de NCT de alguma forma ama Cherry Bomb, o que eu realmente não entendo, porque novamente barulheira, meus ouvidos não conseguem absorver nada de aproveitável, um bando de sirenes e sintetizadores agressivos que obviamente não são minha coisa favorita e em geral a coisa toda parece meio desconjuntada e cheia de inconferencias}
E o pior é que eu até canto com as amiguinhas, porque imagino que sem esse bando de treco no fundo, ela até seria uma coisa agradável, mas tipo, o que o fã de boygroup quer, foi o que ele teve
E eu obviamente não converso com o gosto deles, mas paciência

Ateez – Answer

Essa música foi vendida tanto pelos fãs do Ateez, que eu fui com uma super sede ao poço, pensando que ou seria a salvação do mundo boygroup ou seria uma barulheira sem limites, o que pro capopeiro internacional básical, é exatamente a mesma coisa que a salvação do K-Pop
Mas aí e eu fui ouvir e… nada
Não tem nada de especial
Ela parece uma daquelas músicas que o povo tenta fazer um tone down no estilo K-Pop pra vender bem nos States da vida, e aí elas ficam meio sem personalidade
Okay, o refrão é legalzinho, mas não só ela podia explodir mais como ele faz zero jus ao resto da músicam que tem só uns versos bem intediantes mesmo

Round 3:
Solistas

ChungHa – Roller Coaster

Eu genuinamente acho esse clipe lindissimo
Mas acho que minha apreciação por esse comeback acabou por aí
Porque essa música simplesmente não funciona comigo
Assim, ela é meio genérica, mas tudo bem Why Don’t You Know também, só que ela tem o fator replay comigo, eu simplesmente não ligo pra existência dela a ponto de pensar nela como “aquelda da chungHa que eu nostei muito”
Sério, eu não achei ela nada demais

Hyuna – Babe

Não é segredo pra ninguém que eu sou uma indie chatissima que gosta de um conceito, de música mais sombria, mais pessoal, mais focada em narrativa/letra
Com esse background era pra eu gostar de Babe pois ela é Hyuna emulando a conceitual, fazendo crítica a pressão da sociedade coreana pra mulheres parecerem sempre jovens e ainda é uma música que ganha todo um outro contexto com toda a treta do namoro dela com um cara mais novo (Dawn)
Mas assim, não desceu
Só isso
Não acho terrível, não acho intragável, só não faz nada por mim

Taemin – Press Your Number

Eu não sei exatamente quando, mas em algum momento eu descobri que essa música que eu devo ter ouvido em alguma playlist de compilação, era de Taemin, o mesmo Taemin que fez coisas como Danger, e Move e Thirsty
E eu fiquei tipo
Mas mano, essa música é tão… Normal
Genuinamente nada de errado com ela, mas
Tem gente que amou? De verdade? Algo lugar comum como isso
Não entendo

E é isso gente
Ficamos por aqui e até meu próximo post

Tchau tchau e até logo o/



16 comentários em “TAG: Músicas superestimadas no K-Pop + Duas Verdades, Uma Mentira

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s