Pop Coreano · Pop ocidental · Vocaloid

[TAG] – 30 Músicas (parte 1)

Olá pessoas que habitam nesse estranho mundo chamado internet

Esses últimos dias me deixaram muito desanimada, não tem muito o que fazer, e ficar presa em casa não me deixa muitas opções além de… bem fazer posts
E é por isso que eu vou fazer uma coisa que eu queria fazer a muito tempo
Aquela tag que eu vejo todos usando no instagram, mas que eu certamente desistiria por ser composta de 30 dias, já que meu interesse pras coisas não dura muito tempo

Eu sinto que quem acompanha esse blog tem pouquissimo conhecimento do meu gosto musical fora do K-Pop, e na verdade, já que, bem, eu não compartilho isso aqui
Mas meio que não é de propósito, é só que além do K-Pop e bem às vezes, do pop americano, eu não imagino que alguém se interessaria pelas “músicas de dormir” que eu ouço

Então pensei que isso seria unir o útil ao agradável, e conseguir compartilhar mais do que eu gosto, e ao mesmo tempo fazer um post que talvez seja interessante pra vocês

Vamos lá?

1 – Uma música com uma cor no título.

Angus & Julia Stone – Yellow Brick Road

Eu não faria ideia da existência de Angus & Julia Stone. se não fosse pela trilha sonora de Life Is Strange, que me apresentou à nostalgica Santa Monica Dream e me fez procurar um pouco mais sobre a dupla de irmãos, e ao encontrar essa música eu realmente me identifiquei com a frase “I Lost my mind long ago” e me senti muito tocada por como essa música consegue me acalmar em momentos que eu realmente preciso de algo reconfortante e bem calmo pra me imaginar no meio de uma praia ou no campo aproveitando o dia ao invés de… no estresse constante e quase palpável da grande São Paulo

2 – Uma música com número no título.

Mitski – Two Slow Dancers

Quer algo mais eu do que uma música lenta, triste, nostálgica e que revisita dolorosamente um passado ao qual não podemos voltar?
Embora eu não tenha necessariamente vontade de voltar ao Ensino Médio (psicologicamente falando, eram tempos sombrios), eu ás vezes penso no meu primeiro “High School Crush”,e em como, apesar de eu saber que ele nunca corresponderia, estar gostando de alguém naquela época me dava forças pra continuar, porque antes mesmo de me apaixonar por alguém, eu sempre foi apaixonada primeiro pelo próprio amor, como sentimento, e pela capacidade que ele teve e tem, até hoje, de amenizar nossa dor e nos ajudar a cicatrizar as feridas que nós adquirimos ao longo dos anos

3 – Uma música que te lembre verão.

Oh meu Deus
Uma música em coreano…
Mas não se acostumem
No ano em que essa música saiu eu ouvi muito ela nos dias em que fui passar minhas (merecidas) férias na praia
E acabou que essa virou minha música oficial do verão porque nada melhor que uma música eletrônica animada pra curtir o solzão batendo nas suas costas e a sensação de areia em todos os poros da sua pele
É por isso, obviamente, que toda vez que eu vou pra praia a playlistzinha de verão do spotify já tá pronta pro combate, pra que eu possa aproveitar com a trilha sonora perfeita

4 – Uma música que te lembra alguém que você preferia esquecer.

Melanie Martinez – Bittersweet Tragedy

Nada como uma música sobre uma pessoa que no começo foi extremamente doce e amável com você, mas eventualmente se tornou uma tragédia agridoce que não agradava mais suas papilas gustativas e você sente vontade de jogar fora igual chiclete que perdeu o gosto
Eu quero dizer, eu vi essa pessoa uma vez enquanto andava por aí, e nós nos olhamos e nem dissemos oi um pro outro
Eu não sinto mais nada além de um pouquinho de arrependimento de ter gostado dela

5 – Uma música que deve ser tocada alta.

Essa é provavelmente a coisa mais recente dessa lista, e ela é de 2018, eu não me adaptei bem ao presente mesmo
Mas felizmente Rina Sawayama tem sido uma grande excessão à minha resistência em engolir os novos artistas Pop que estão chegando nessa nova era
Eu realmente não ouvi ainda nenhum single dela que eu não tenha gostado
E Cherry tem alguma coisa muito especial, não só sobre o instrumental que é mágico sem deixar de ser extremamente pop e os vocais maravilhosos de Rina, mas também  na letra que… o que eu posso dizer, apenas consegue capturar perfeitamente o sentimento de ser multisexual (no caso especifico dela pansexual) e ter sentido por muitos anos que quando seus sentimentos são pelo sexo oposto, eles são algo que você deve esconder, mas que ao mesmo tempo, escondê-los faz com que você não consiga ser… bem, você mesmo, que é exatamente o que você deveria abraçar e o que vai te libertar dos sentimentos de culpa

6 – Uma música que te faz dançar.

Tiffany Young – Magnetic Moon

Primeiramente, apenas deixando claro, eu não danço
Eu sou tímida demais e realmente não gosto muito de ser obrigada a dançar porque eu tenho 0 capacidade fisíca
Mas se tem uma música que me faz sentir vontade de sair dançando por aí, essa música é Magnetic Moon
Não seria exagero dizer que essa é minha música favorita de um Soshi pós final do SNSD porque tipo, tirando Something New da Taeyeon essa deve ser tipo a que eu mais tenho ouvido

7 – Uma música para dirigir.

Disclosure – Magnets ft. Lorde

Bem, eu não dirijo, mas se eu não morresse de medo de carros após minhas viagens de São Paulo capital até o interior de São Paulo, eu adoraria dirigir enquanto ouço essa música
Coincidentemente, eu tenho uma playlist com esse mesmo tema, que inclui nossa querida música anterior, Something New, novamente no spotify

8 – Uma música sobre álcool e drogas.

 BigBang – Sober

Com licença, eu sou da igreja, não faço essas coisas não
Porém… se tem uma música sobre álcool que cativa meu coração por eu compartilhar do mesmo sentimento de inquietude, essa música é Sober, afinal, eu também acho o mundo frio, os olhos das pessoas cortantes e também sou apenas uma criança alta, então né, o que eu posso fazer

9 – Uma música que te deixa triste.

Ashmute (애쉬뮤트) – Scenery

Então, não é como se fosse muito difícil me fazer chorar, já que tipo, eu choro com muita balada que encontro por aí se eu estiver num momento triste da minha vida (flashback pra mim desabando com esse e esse cover aqui) mas bem, em geral baladas coreanas conseguem, na maioria das vezes, causar apenas alguma coisa entre um sentimento de conforto e um sentimento de total indiferença, nada que me faça ficar triste
Por isso essa canção me marcou tanto, porque ela genuinamente parte meu coração e obviamente consegue me levar a soluçar um pouco ás vezes, mas mesmo quando ela só me leva a um sentimento geral de tristeza, já é o suficiente

11 – Uma música que você nunca vai enjoar.

B1A4 – Solo Day

Alguém aí surpreso?
Bom, pra quem não sabe, essa foi a música que fez meu grupo ultimate do k-pop se tornar meu grupo ultimate do K-Pop, então tipo
Como eu possivelmente poderia enjoar dela?
Ignorando fato de que eu sou uma pessoa que enjoa muito fácil das coisas, existem duas constantes imutáveis na minha vida, e elas são a banda americana de indie-rock Now, Now e o grupo pop sul-coreano B1A4, todos os meus outros gostos podem mudar, mas esses dois permanecem mesmo nas mais diferentes fases da minha vida

12 – Uma música da sua pré adolescência.

Niki feat. Lily – -ERROR (cover com Rin, Len, Oliver e VY2)
Existe alguma outra coisa que eu tenha feito na minha pré-adolescencia e adolescencia além de ouvir Vocaloid? Se existe… desconheço
E é claro que se tem uma coisa que eu ouvi na época foi a música -Error, juntamente de todas as músicas do produtor chamado Niki
e claro, todas as versões de vocaloid possíveis dessa música, do dollynho até a vocaloid E-Girl
É claro que eu tinha preferência por essa versão, por isso eu coloquei ela aqui, mas todos que conheço recomendam as versões do UTAU Naminé Ritsu, tanto a antiga quanto a nova, então, fica por sua conta qual delas ouvir

13 – Uma música que você gosta dos anos 70.

Robyn Adele Anderson – Birthday

O que?
Eu sou uma criança dos 2000, eu não conheço nada dos anos 70 por nome, só de ouvir por aí
As únicas com “som dos anos 70” são as desse canal ¯\_(ツ)_/¯

14 – Uma música que você gostaria que tocasse no seu casamento.

Halsey – Finally // Beautiful Stranger

Desculpa… eu sou cadelinha demais do novo álbum da Halsey
Mas se te consola, ano passado seria outra
E ano retrasado também
Na verdade eu acho melhor deixar meu namorado escolher a música do nosso casamento, ele deve ser mais decidido

15 – Uma música que você gosta e é um cover de outro artista.

https://www.youtube.com/watch?v=leS8bVfItdY

Marina – Perfect Stranger

Eu acho que tem muitas músicas que eu poderia colocar aqui porque tipo, eu gosto muito de covers
Mas o que eu mais tenho ouvido é esse
É, eu realmente adotei a Marina como minha cantora favorita depois do Froot, não há nada que possa ser feito além de aceitar, eu amo os vocais dela e amo muito como ela é sincera em suas músicas e tipo
Eu sou o Family Jewels inteiro praticamente, não há como negar

E bom, parece que ficamos por aqui
Porque eu achei que 30 músicas seria demais pra vocês e decidi partir o post ao meio
Até amanhã então
E se divirtam tentando não dormir com minhas músicas
Tchau tchau e até logo

 

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s